logo-academia-site
logo-academia02
  • Slide 03
  • Slide 02
  • Slide 01
  • Slide 04

moises-m-martins-junior

Moisés Mendes Martins Júnior

Nasceu em Campo Grande-MT (hoje MS), no dia 6 de agosto de 1941, descendendo de Moisés Mendes Martins e Noêmia Evangelista Martins.

Graduou-se em Odontologia pela Universidade Federal de Goiás.

Possui duas especializações em nível de pós-graduação: em Administração em Serviços de Saúde Pública, realizado na UFMT e ministrado pela UNAERP (São Paulo), e a Especialização em Ortopedia Funcional dos Maxilares, realizado em Buenos-Aires/Argentina, ministrado pelo Professor Armando Stefanelli.

Exerceu os seguintes cargos: Professor da Escola Normal Pedro Celestino; Presidente da Fundação Educacional do Buriti; Professor do Colégio Evangélico do Buriti; Secretário do Conselho Deliberativo do Colégio Evangélico do Buriti; Presidente do Conselho Regional de Odontologia; Implantou o primeiro Curso de ACD e THd do Estado de Mato Grosso; Secretário Municipal da Cultura Cuiabá; Secretário Adjunto da Secretaria Municipal da Cultura de Cuiabá e Secretário da Secretaria Especial de Resgate Histórico e de Apoio à Cultura junto à Câmara Municipal de Cuiabá.

No âmbito da política, nomeado Vereador por Cuiabá, sendo o único no País a não aceitar o Mandato Biônico (1976); Suplente de Deputado Estadual e Candidato a Senador pela frente Popular (União de 7 Siglas Partidárias).

Ao longo de sua carreira, integrou, como sócio efetivo, a Academia Mato-Grossense de Letras; a Academia Municipalista Brasileira de Letras; a Academia Mato-Grossense Maçônica de Letras.

Álbum de fotos da posse na AML.

Bibliografia

Contribuiu com crônicas semanais em diversos jornais de Mato Grosso: Folha do Estado, Gazeta e Diário de Cuiabá.

Em livro, sua publicação é farta:

  • Fragmentos (1980, ensaios poéticos)
  • À sombra da Acácia (1994, ensaios poéticos)
  • A força da fala no dizer cuiabano (1985, prosa), reeditado em 1995.
  • Dimensões (1994, ensaios poéticos)
  • Poemas na Frase ( 1995, ensaios poéticos)
  • O deus do homem não é o Deus que é (ensaio de teologia iniciado em 1980)
  • Santuário Pantanal (1980, romance)
  • Pássaros (1995, ensaios poéticos)
  • A imprensa como tribuna (1989, crônicas)
  • Tempo e Vento (1995, ensaios poéticos)
  • Corpo /Alma (1995, ensaios poéticos)
  • Sonhos / Poemas / Fantasias (1995, ensaios poéticos)
  • Trilogia Mato-Grossense (2008)
  • Ruy Barbosa Escritor sempre atual (2010)


Na produção artístico-cultural, elaborou, em parceria com o músico e compositor Benedito Donizete de Morais (Pescuma) o projeto intitulado Sentimento Cuiabano, desde 1992, surgindo 3 CDs: Vídeo - Ruas de Cuiabá (1995), Vídeo Festas de Santo em Cuiabá (1996), Fita K7, músicas Sentimento Cuiabano (1994) e CD músicas Sentimento Cuiabano (1996). Produtor do I, II e III volumes do Projeto Fonográfico Sons, Tons, Serestas de Mato Grosso; pioneiro na produção, com interpretação do próprio autor

No prelo, se encontram os seguintes livros: Ancestralidade (270-p.) lançamento previsto para 06/08/2011; Um passeio Saudoso, Poético e Turístico na História de Cuiabá.

Insígnias

Diploma do Decênio, ofertado pelo Conselho Federal de Odontologia pelos relevantes serviços prestados a Odontologia brasileira;
Diploma de Consagração Pública, realizado através de enquete pública (radialista Roberto França) como o Cirurgião-Dentista do Sesquicentenário da Independência, em 1977- Cuiabá MT;
Diploma de Sócio Fundador da Associação Brasileira de Odontologia – Secção Mato Grosso, em 09/02/79;
Placa de Prata, ofertada pelo Conselho Regional de Odontologia do Estado de Goiás;
Placa de Prata ofertada pela Prefeitura de Cubatão, São Paulo, pelos relevantes serviços prestados através da Câmara Municipal de Cuiabá;
Diploma de Comenda de Prata no Grau de Grão Mestre da Ordem do Mérito Mato Grosso, ofertado pelo Governo do Estado de Mato Grosso (Governador- Dante Martins de Oliveira) ;
Diploma ofertado pela Associação Diamantinense de Cultura-Ganzá, na qualidade de sócio Honorário;
Diploma de Escritor do ano, ofertado pelo Rotary Club Cuiabá – CPA – Distrito 4440;
Diploma da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra ADESG. Matrícula número 73, turma de 1973;
Diploma ofertado pela Academia Municipalista de Letras do Brasil;

Títulos de:

  • Cidadão Mato-Grossense,
  • Cidadão Cuiabano,
  • Cidadão Diamantinense;

Prêmio Cultural de Imagem de Comunicação;
Diploma de Honra ao Mérito Luis-Phillipe Pereira Leite, ofertado pela Prefeitura Municipal de Cuiabá;
Placa de Prata conferida pelo Conselho de Crianças e Adolescentes de Cuiabá;
Medalha de Honra Pascoal Moreira Cabral, ofertada pela Câmara Municipal de Cuiabá;
Patrono da Turma de Assistente Social - UFMT;
Patrono da primeira turma de THD (Técnicos de Higiene Dental - Cuiabá).

 

Últimas Fotos

Show de Samba na Varanda da AML
A Academia Mato-grossense de Letras recebeu mais de 300 convidados para o show de música popular brasileira.

 

Novos Acadêmicos
Jantar em comemoração a eleição dos quatro novos acadêmicos que assumirão as cadeiras vagas da AML.

titulo historia em imagens

jose-de-mesquita

José de Mesquita

Esse é José de Mesquita, fundador da Academia Mato-Grossenses de Letras. Mesquita era filho do jurista, abolicionista de mesmo nome. Foi desembargador e dirigiu o Tribunal de Mato Grosso por 10 anos, assim como a própria AML por 40 anos. Com uma produção surpreendente, correspondeu-se com outras instituições culturais e academias de letras pelo Brasil.

blog-pedro-juca