logo-academia-site
logo-academia02
  • Slide 03
  • Slide 02
  • Slide 01
  • Slide 04

Preenchimento de Cadeiras da Academia Mato-Grossense de Letras

 

brasao-academia

Edital 003/2013-2015/AML

Preenchimento de Cadeiras da Academia Mato-Grossense de Letras.

O Presidente da Academia Mato-Grossense de Letras, no uso de suas atribuições legais, constantes do art.41, I, do Estatuto desta agremiação literária, faz publicar o edital para preenchimento das quatro cadeiras mais antigas por ordem de vacância: 16, 15, 35 e 31. A cadeira 16 tem por patrono Antônio Augusto Ramiro de Carvalho e o último ocupante a ter assento foi o acadêmico Valdão Varjão até a data de seu falecimento, em 03/02/2008; a cadeira 15 tem por patrono Joaquim Mendes Malheiros, sendo o último ocupante o acadêmico Natalino Mendes, falecido em 23/12/2011; a cadeira 35 tem por patrono Joaquim Pereira Ferreira Mendes e foi ultimamente ocupada pelo acadêmico Clóvis de Mello até a data do falecimento, em 27/12/2011; finalmente, a cadeira 31 tem por patrono José Delfino da Silva e o último acadêmico que ocupou a posição foi Adauto Dias de Alencar, falecido em 16/10/2013.

Por força do art. 14 do Estatuto da Academia Mato-Grossense de Letras, o período para a efetivação das inscrições será compreendido entre os dias 04 de novembro e 05 de dezembro, em horário comercial. O candidato deverá comprovar que é mato-grossense ou que reside no Estado há mais de 5 (cinco) anos. As vagas acadêmicas são titulares e vitalícias na categoria de sócio, conforme arts. 5º e 6º do Estatuto da AML. Os interessados em participar do processo para a seleção da vaga deverão arcar com a taxa solicitada de R$ 750,00 (setecentos e cinquenta reais), elaborar curriculum completo atualizado, constando trabalhos publicados e livros lançados, assim como toda a produção intelectual, documentação a ser encaminhada em 3 (três) vias de igual teor, preenchendo ficha de inscrição diretamente na sede da Academia Mato-Grossense de Letras, na Casa Barão de Melgaço, localizada à R. Barão de Melgaço, 3.869, Centro, Cuiabá-MT ou pelo contato com o Presidente, 1ª Vice-Presidente, 1º Secretário e 1ª Tesoureira, nos telefones (65) 3624-6782, (65) 8128-8603, (65) 9223-1958, (65) 3621-4555 e (65) 3621-2624. No ato de inscrição, o candidato receberá edição comemorativa dos 90 anos da AML, cópia do Estatuto e da Resolução 001/2013-2015 que trata do procedimento para habilitação à vaga e as normas do cerimonial de posse.
O Presidente designará imediatamente ao encerramento do prazo de inscrições comissão de avaliação dos trabalhos que elaborará um relatório de apreciação da obra do candidato para recomendação escrita aos confrades e confreiras a fim de que, no dia 28 de fevereiro de 2015, sábado, às 9h:00min sejam votados em primeiro ou segundo escrutínio secreto os nomes inscritos para as respectivas cadeiras. As cerimônias de posse dar-se-ão individualmente, conforme calendário a ser decidido na forma do Parágrafo 3º do art. 28 do Estatuto da Academia de Letras e da Resolução 001/2013-2015.

Ficam, desde já, os Exmos. e Exmas. acadêmicos e acadêmicas regularmente convocados para a sessão extraordinária do ano de 2015, a se realizar no dia 28 de fevereiro às 9h:00min na Casa Barão de Melgaço, com a pauta exclusiva da eleição dos candidatos inscritos às cadeiras vacantes, conforme alínea “b” do art. 38 do Estatuto da AML.

Casa Barão de Melgaço, 04 de novembro de 2014.

EDUARDO MAHON
PRESIDENTE

Últimos Vídeos

prog cuiaba 300 anibal alencastro
No programa Cuiabá 300 anos, José Carrara conversa com o geógrafo e historiador Anibal Alencastro sobre a história de Cuiabá.
 
videos-leitura-em-dia-600x320
O quadro "Leitura em dia", do Jornal da Assembleia, traz dicas de leitura para os telespectadores.
 

Últimas Fotos

Show de Samba na Varanda da AML
A Academia Mato-grossense de Letras recebeu mais de 300 convidados para o show de música popular brasileira.

 

Novos Acadêmicos
Jantar em comemoração a eleição dos quatro novos acadêmicos que assumirão as cadeiras vagas da AML.

titulo historia em imagens

jose-de-mesquita

José de Mesquita

Esse é José de Mesquita, fundador da Academia Mato-Grossenses de Letras. Mesquita era filho do jurista, abolicionista de mesmo nome. Foi desembargador e dirigiu o Tribunal de Mato Grosso por 10 anos, assim como a própria AML por 40 anos. Com uma produção surpreendente, correspondeu-se com outras instituições culturais e academias de letras pelo Brasil.

blog-pedro-juca